Últimas

Copa do Mundo: Tempo de orar pelos cristãos perseguidos

A Copa do Mundo na Rússia vai de 14 de junho ao dia 15 de julho
Sete países presentes na Lista Mundial de Perseguição 2018 – divulgada anualmente pelo Portas Abertas, que é um ranking que classifica os lugares onde a igreja cristã enfrenta hostilidade – participarão da Copa do Mundo na Rússia. São eles: Irã (10º), Arábia Saudita (12º), Nigéria (14º), Egito (17º), Tunísia (30º), México (39º) e Colômbia (49º).
Ao olhar para essas nações devemos nos lembrar dos cristãos que enfrentam dor e morte pelo nome de Cristo. Assim, entendemos que a Copa do Mundo é uma oportunidade para servir a Igreja Perseguida.
Ao todo serão 64 jogos em 32 dias, de 14 de junho a 15 de julho. Isso significa 5.760 minutos, 96 horas ou quatro dias completos de futebol. Neste período, traga a memória os lugares onde a igreja é perseguida. Compartilhe informações e pedidos de oração e incentive outros a fazerem o mesmo.
Irã
Imagem: DivulgaçãoA situação de perseguição neste país é causada pelo governo. Ano passado, 52 cristãos foram presos por causa da fé e inúmeras igrejas domésticas foram invadidas. Como consequência, muitos convertidos fugiram para o exterior ou passaram a viver sua fé isoladamente.
Devido à pressão do governo, quase todas as igrejas que faziam cultos na língua persa foram fechadas nos últimos anos e seus líderes foram presos. O alto nível de violência é expresso no aumento do número de cristãos presos no país.
Oração: Para que o Espírito Santo dê aos cristãos presos um amor genuíno pelos guardas e seus companheiros de cela.
Arábia Saudita
Imagem: DivulgaçãoOs cristãos sauditas ex-muçulmanos enfrentam grande pressão, principalmente de familiares e líderes religiosos. No entanto, estão compartilhando a fé publicamente, apesar das sérias consequências.
Segundo os observadores, a presença cristã nativa na Arábia Saudita está aumentando. Os cristãos não apenas crescem em número, mas também na ousadia de compartilhar o evangelho. Como resultado, é provável experimentem mais perseguições no futuro.
Oração: Para que os novos convertidos compartilhem a fé com a certeza de que Deus os protege e é soberano sobre a vida deles.
Nigéria
Imagem: DivulgaçãoA Nigéria é um gigante na África, mas repleto de problemas. A instabilidade política, a insegurança e a corrupção desenfreada enfraquecem o país consideravelmente.
Hostilidades acontecem no norte do país por parte do grupo extremista Boko Haram. Em outras áreas, como em Fulani, uma tribo islâmica radical, o alvo são aldeias e fazendas cristãs. Dessa forma, cristãos experimentam perda de propriedades e de sustento, danos físicos e até mesmo a morte.
Oração: Por conforto e força aos milhares de cristãos deslocados, sem sustento, aceso à água e cuidados de saúde.
Egito
Imagem: DivulgaçãoEmbora tenha a maior população de cristãos no Oriente Médio e o cristianismo na região remeta aos tempos de Jesus, a perseguição é severa. Cristãos são discriminados, excluídos e abusados por causa da sua fé. Em 2017, um aumento da violência causou a morte de 128 pessoas.
Geograficamente, os cristãos residem em maior concentração no Alto Egito e nos subúrbios do Cairo e Alexandria. A igreja está sob constante pressão e os cristãos gozam de direitos e liberdade muito limitados.
Oração: Para que os cristãos desprezados na área social, política e jurídica confiem a vida ao justo Deus.
Tunísia
Imagem: DivulgaçãoTodos os tunisianos são registrados como muçulmanos; aqueles que decidem se tornar cristãos enfrentam a perseguição de grupos militares islâmicos, do governo e até da família e amigos. Nenhum igreja nova foi registrada desde 1956.
O país tem o potencial de ser um exemplo para outros países árabes devido à sua transição pacífica e consensual para a democracia. Mas a instabilidade regional e dificuldades na implementação de reformas econômicas necessárias para o crescimento econômico, demonstram que a democracia tunisina ainda está frágil.
Oração: Por treinamento e perseverança à nova geração de líderes cristãos.
México
Imagem: DivulgaçãoOs ataques violentos ocorrem quando cristãos são considerados uma ameaça ao crime organizado. Muitos pastores enfrentam intimidações. Cristãos em comunidades indígenas são punidos por deixarem os costumes tribais e são expulsos de suas casas.
Em 2017, membros das comunidades indígenas de Chiapas e Jalisco que se tornaram cristãos enfrentaram sanções econômicas, negação de acesso a serviços básicos e expulsão da comunidade. Em alguns casos, foram presos sem razão e enfrentaram maus tratos psicológicos.
Oração: Por proteção física aos perseguidos, em um dos países mais violentos do mundo.
Colômbia
Imagem: DivulgaçãoEm um país repleto de corrupção, os líderes de grupos criminosos são os principais agentes de perseguição. A violência é intensa quando ex-membros de guerrilhas se convertem ao cristianismo. Outra fonte de perseguição vem de líderes de comunidades indígenas.
Embora os grupos cristãos sejam influentes na sociedade, há uma grande pressão da sociedade civil, das autoridades políticas e dos movimentos fanáticos no país para remover sua voz da esfera política.
Oração: Pelos governantes e membros de guerrilhas, para que encontrem Cristo, “o caminho, a verdade e a vida”.
Deixe o seu comentário no Verdade Gospel.
Fonte: Revista Portas Abertas
Copa do Mundo: Tempo de orar pelos cristãos perseguidos  Copa do Mundo: Tempo de orar pelos cristãos perseguidos Reviewed by Dam Web Rádio on 6/08/2018 Rating: 5